sábado, 27 de setembro de 2008

Gaivota atrevida

Acordei sobressaltado,
com medo e angustiado,
que terrivel pesadelo!.
Estava eu no escritório
a fazer um relatório,
a puxar pelo cerebelo.

Quando tal, uma gaivota,
grandessissima idiota,
entra-me pela janela.
Poisa mesmo à minha frente
e com ar incongruente,
faz-se a mim à bicadela.

Tentei enxotá-la em vão
e naquela confusão
saltou p'ra cima de mim.
Aquele bico ameaçador,
eu ali em desfavor,
a assistir ao folhetim.

Defendi-me como pude,
com toda a plenitude,
p'ra resolver a questão.
Já me sentia cansado,
acordei desnorteado,
sem achar a solução.

O medo de uma bicada,
ou então duma cagada,
ainda me dá que pensar.
Vou pôr uma caçadeira
junto à mesa de cabeceira
para quando ela voltar.





2 comentários:

Nuno disse...

raisparta a gaivota

Cesar disse...

Ja tentaste a fisga??
Menos ruido, menos espaço, não assusta a vizinhança, fica aqui a sugestão.

Está fantastica
Parabens!!